segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Imoralidade e miséria vêm dizimando população cubana


A população cubana diminuiu em 2006, informou o diário oficial “Granma”. Na raiz dessa redução demográfica estão a imoralidade oficializada pelo comunismo, o aborto e a distribuição gratuita de anticoncepcionais, a miséria da população reduzida a um subnível de vida moral e material similar ao dos escravos da Antigüidade pagã. Porém, Fidel Castro (foto) prefere atacar o Brasil, alegando rombudas inverdades sobre o agronegócio e o biocombustível: os cortadores de cana-de-açúcar no País trabalhariam como escravos, e o cultivo da cana destrói o meio-ambiente!

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. O Fidel está parecendo a fachada da foto, mas, enfim, não confundamos

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.